The Long and Winding Road

Valfre04

– Mas Adam não é tão difícil entender que tudo tem o seu preço, se você foi um idiota, não espere que eu fique feliz com isso. – Disse ela gritando na frente da casa dele, quando nessa hora a mãe dele sai de casa para saber o porquê daquela gritaria.

– Gaby? Porque tanta gritaria? Adam o que você fez para ela? – Ele apenas abaixa a cabeça e dá para perceber que algumas lágrimas desceram pelo seu rosto, mas porque ele tinha sido tão idiota naquele dia, sabendo que era o favorito dela.

– Me diz Adam, porque você teve que escolher hoje para ser idiota? Você sabe como esse dia é importante para mim, não sabe? – Ela continua gritando, e a mãe dele mesmo sem saber da razão daquela gritaria ela entra, pois sabe que esse é um assunto apenas dos dois. E Gaby continua esperando por uma resposta, porém Adam deixa cair algumas lágrimas e balbucia alguma coisa, que ninguém entende então ela o manda repetir, ele começa a gritar e diz:

– Gaby eu realmente sei, ou pelo menos penso que sei do motivo para você gostar tanto desse dia, mas você nunca parou para ME perguntar se eu gosto dessa data. – Nessa hora Gaby se derrete e fica curiosa para saber o porquê dele odiar tanto essa data.

-Adam, porque você não gosta dessa data e porque está me dizendo isso apenas agora?

– Gaby há exatos três anos você estava perdendo algo que EU deveria ter tirado de você, eu gosto de você desde o primeiro dia que eu te vi, descendo do carro e segurando o seu gato, Gaby EU TE AMO e o que você perdeu naquele dia tinha que ter sido meu.

– Adam se soubesse disso antes…

– Soubesse de que?

– Que você me ama…

– Porque assim você não  teria feito com ele?

– Adam eu não perdi minha virgindade com o Filipe e nem com ninguém, você sabe porque que hoje é uma data especial?

– Seria muito bom saber o porque – Os dois sentam na rua, apesar de ser muito tarde.

– Adam a três anos atrás eu percebi que te amava, porque ao me deitar com Filipe, você me veio a cabeça e não adiantava eu tentar pensar em outras coisas porque você sempre voltava para a minha mente, até que eu pedi para o Filipe parar, porque eu não queria mais e que tinha percebido que amava outra pessoa e ele sabia que era você e mesmo ele não gostando de você, ele entendeu mas pediu que eu falasse que tinha feito com ele e eu não desmenti os boatos sobre mim, e sempre que alguém falava comigo sobre o assunto eu perdia a vontade de contar a verdade para você, pois você se mostrava cada vez mais forte e cada vez mais meu amigo então eu preferi deixar como estava e não machucar mais ninguém além de mim mesma. – Adam chorava muito como nunca chorou em toda a sua vida, mas era um choro de alívio, de paz, pois depois de tanto esperar ele estava ouvindo as palavras que ele tanto sonhou vindas da boca que ele desejou. Ela começou a passar as mãos nos cabelos sedosos dele para arrumar como ela sempre fazia todos os dias então ele olha para ela nos olhos e os dois se beijam sendo esse o melhor dos beijos que os dois já tinham sentido, pois os seus corpos aceitaram muito bem um ao outro como se tivesse nascido um ao outro, depois eles pararam e se olharam nos olhos como se quisessem guardar aquele momento na memória, pois os dois sabiam que se amavam e aquele era o primeiro momento era o primeiro entre muitos e voltaram a se beijar, porém dessa vez um pouco mais lento e um pouco mais profundo e mais querido e depois deitaram na grama da casa dele e ficaram por lá até de manhã bem cedo, pois pegaram no sono, mas na verdade onde eles dormiram não importava muito, pois eles dormiram juntos e abraçados como sempre sonharam.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s